Hoje vamos falar um pouco a respeito das placas que geram energia solar fotovoltaica.

Diferente dos aquecedores solares, que apenas geram água quente, as placas fotovoltaicas têm a capacidade de gerar energia elétrica a partir dos raios do sol. 

A energia produzida pode ser utilizada para diversos fins, como acender uma lâmpada ou ligar uma televisão.

No cenário atual, com altos reajustes e tarifas da conta de luz, que está ficando cada vez mais cara, torna-se importante conhecer as possibilidades da energia solar.

 

FUNCIONAMENTO

Na energia fotovoltaica ocorre a transformação da radiação solar em energia elétrica. Ocorre através da criação de uma corrente elétrica pela radiação solar em materiais semicondutores instalados na cobertura.

 

VANTAGENS

- Economia já no 1º mês

- Valorização do imóvel em média de 8%

- Sem reajuste tarifário

- Mínimo de 25 anos de vida útil

 

CUSTOS

O grande problema da energia fotovoltaica é seu custo. O preço vem diminuindo ano a ano, porém o valor das células solares e dos demais componentes para sua instalação como baterias e inversores de carga ainda é elevado, o que torna o custo da energia caro se comparado a outras fontes.
Entretanto, esse sistema é um investimento que tem retorno. O tempo para o retorno é relativo à sua geração de energia e tarifa cobrada pela concessionária. Atualmente, o tempo médio de recuperação do investimento está entre 6 e 10 anos. Mas a previsão é de redução devido aos altos reajustes das tarifas de energia.
Por isso, montar um sistema como esse e mudar de casa dois anos depois é jogar dinheiro fora. Assim como não vale a pena instalar em casas de veraneio, utilizadas poucos dias por mês.

ECONOMIA NA CONTA DE LUZ

O valor economizado vai depender do percentual da conta de luz que você quer cobrir com a geração de energia solar. Você pode instalar um sistema que supra apenas uma parte do seu consumo ou então um sistema que gere 100% da sua necessidade energética. Neste último caso, você pagará apenas a tarifa mínima cobrada pela concessionária de energia referente ao uso e manutenção da rede.

ARQUITETURA

Para empreendimentos maiores, uma maneira interessante de utilizar é nos estacionamentos externos, cobrindo grandes áreas expostas à insolação. E nas residências, além da instalação usual nos telhados, pode-se utilizá-los sobre pergolados. Na foto abaixo, o fechamento do ambiente foi feito com os painéis fotovoltaicos. Mantendo o ambiente iluminado, livre da chuva e ainda, gerando energia. Interessante, não?!

PORTANTO

Esta é uma forma totalmente limpa de geração de energia. Com o aumento das tarifas de luz e a crise hídrica cada vez mais frequente, a tendência é a valorização da energia solar.

Arquiteta e Urbanista, catarinense, apaixonada pela profissão. Atua no mercado de arquitetura e interiores residenciais no extremo oeste de Santa Catarina.